Total de visualizações de página

Pesquisar este blog

10 de julho de 2012

Detentos trabalham na recuperação do Rio Pampa em Águas Formosas


Essa foi a primeira etapa de oito mutirões que acontecerão até o final do mês de agosto
Detentos do regime semiaberto do Presidio de Águas Formosas, no Vale do Mucuri, participam de um mutirão para recuperação do Rio Pampa, principal fornecedor de água da cidade. A ação faz parte do Programa de Revitalização da Mata Ciliar e Revitalização das Margens do rio Pampa e teve início no último sábado (7).
Essa foi a primeira etapa de oito mutirões que acontecerão até o final do mês de agosto. Nesta ação, foram recolhidos cerca de 20 caminhões de lixo, com coleta de plásticos, vidros e animais mortos. No local foram replantadas plantas nativas, como jabuticaba por exemplo. Os moradores que acompanharam a ação, e os oito presos participantes, receberam, no término do evento, uma muda de planta.
O programa é coordenado pelo Instituto Estadual de Florestas (IEF) e Polícia Militar do Meio Ambiente, em parceira com a Secretaria Municipal de Cultura, Ministério Público Estadual e o Poder Judiciário, com objetivo de recuperar a Região da Baixada por meio de limpeza, revitalização e recuperação da mata e de toda área destruída pelos poluentes.
A Região da Baixada, onde o rio está localizado, encontra-se entre os bairros Bela Vista e Nossa Senhora das Graças, e é conhecida pela riqueza em recursos hídricos que, devido ao alto índice de poluição, encontra-se em degradação.
De acordo com o diretor geral do presídio, Marcílio de Brito, o programa representa um esforço comum de articulação e integração entre os vários órgãos da sociedade civil, todos com o propósito único de promover a revitalização da bacia e o desenvolvimento em base sustentável e alcançar a governabilidade desejada.

Um comentário:

Anônimo disse...

Muito boa esta rebortagem.... Aguas Formosas esta de parabéns.